FUNDAÇÃO: TIPOS E MATERIAIS09/03/2020





O nome já diz: fundação, onde tudo começa! A fundação, seja de uma casa, prédio ou loja, tem a função de transmitir as cargas da estrutura ao terreno em que ela se apoia.

A escolha do tipo de fundação vai depender de alguns fatores como: a carga da edificação, profundidade da camada resistente de solo, prazo de execução e custo do método executivo.

O principal fator a ser considerado no projeto de fundações é a Tensão Admissível, ou seja, a resistência ou capacidade de carga do solo. Por isso, a Tensão Admissível se divide em dois grupos.

FUNDAÇÕES RASAS

São as que transmitem as cargas da edificação diretamente ao solo pela base da fundação. Uma característica desse tipo de fundação, é ter profundidade menor ou igual a 2 metros.

São consideradas fundações rasas: sapatas isoladas, sapatas corridas, radiers e alicerces.

FUNDAÇÕES PROFUNDAS

São as que transmitem as cargas da edificação ao solo por atrito lateral à peça. Apresentam profundidade superior a 3 metros e tem grande comprimento em relação à sua base.

As peças das fundações profundas são chamadas de estacas. Elas podem ser escavadas ou cravadas.

São consideradas fundações profundas: estaca Strauss, estaca, Franki, estaca Mega (Prensada), estaca Hélice Contínua, estaca Raiz, estaca Ômega, estaca Pré-moldada (aço ou concreto) e estaca Escavada com trado mecânico.

TUBULÕES

Os tubulões são uma misto das características das fundações, porque são profundos, mas transmitem as cargas ao solo pela sua base. Os tubulões pode ser escavados a “ar comprido” ou “a céu aberto”.

MATERIAL PARA A FUNDAÇÃO

Definindo o tipo que fundação a ser usado na sua obra, o próximo passo é comprar os materiais. Use a lista dos materiais para conferir se já orçou tudo e daí escolha o material certo:

•    Concreto: pode ser adquirido pronto em caminhão ou misturado na obra. Se optar pelo último, irá precisar de areia, pedra e cimento.
•    Armadura de barras de aço: envolve ferros e estribos de diferentes medidas.
•    Tijolos maciços: se a fundação precisar.
•    Material de impermeabilização.
•    Tabuas, pregos, linha para marcação e moldura da futura fundação.

O concreto é o material de maior gasto na fundação, por causa do grande volume. Por isso, muitos preferem preparar o concreto diretamente na obra do que comprar pronto em caminhão. Mas lembre-se que o concreto feito na obra vai incluir o tempo que o pedreiro irá gastar para preparar. 

Outro ponto importante sobre os materiais são os produtos para impermeabilização. Não adianta nada fazer uma fundação bem solida, mas não aplicar nada para impedir que a umidade do solo suba pelas paredes.

Agora que você conhece os principais tipos de fundação e está ciente dos materiais que precisará adquirir, dê uma passadinha na Construcasa Bordignon!

E mais...




Produto adicionado ao orçamento!   Ver Orçamento
WhatsApp